Cifras Web
Beto Ferreira

A Verdade Sobre Conde Drácula

Beto Ferreira

6 acessos

Intro: C Cm G 2x

C       Cm             G     C
Era uma vez na Transilvânia
          Cm          G       C
um rapaz rico e solitário
         Cm          G     C
Que caminhava pelas ruas
             Cm          G
Mais pobres do seu povoado

         Am
E foi assim que ele encontrou
       Em
Tão perdido um grande amor
     F           Dm          G     C
E achou que sua dor fosse acabar

           Cm          G      C
Os olhos dela eram verdes
       Cm             G     C
Ela adorava a luz do sol
        Cm           G     C
Se encantava com o dia
         Cm            G
A noite era o próprio céu

           Am
Mas era pobre e sem destino
         Em
E vivia só seguindo
     F             Dm      G    C
Sem ter ao certo uma direção

       Cm          G      C
E o rapaz apaixonado
              Cm            G    C
Disse ao seu pai de sua paixão
            Cm                G    C
Pois não pensou que fosse errado
          Cm          G
Falar do bem do coração

           Am
Mas o seu pai o proibiu
            Em
Disse que era ilusão
       F              Dm         G     C
Essa moça não, não seria a solução

         Cm         G     C
E ele planejou a fuga
           Cm              G    C
Pois nada mais lhe importava
           Cm               G    C
Deixava o pai ganhava um filho
          Cm               G   C
Pois sua amada estava grávida

         Am
E o seu pai ao vê-lo assim
           Em
Tão distante a sonhar
      F        Dm            G   C
Decidiu essa garota vai morrer

         Cm                G    C
Porque era pobre a coitadinha
          Cm                G      C
E o seu filho cego não pode ver
           Cm              G
Que seu futuro era com outra
          Cm            G
Mas outra que pudesse ser

         Am
E a menina a passear
          Em
 pelas colinas a correr
         F               Dm          G    C
Tomou um susto ao ver a faca lhe furar

    Cm              G    C
E caiu sobre uma pedra
           Cm         G    C
Chorando baixo a soluçar
           Cm            G    C
E viu nos olhos de um homem
           Cm             G
O ódio ao tê-lo a lhe abusar

           Am
Rasgou sua roupa sem razão
               Em
Toou seu corpo sem a permissão
         F         Dm          G    C
E friamente completou sua missão

         Cm             G   C
O jovem Conde a sua espera
          Cm           G   C
Quase chegou a lhe odiar
          Cm             G   C
Mas logo soube de um amigo
          Cm              G
A morte fria a lhe derrubar

          Am
Então o sol perdeu a cor
               Em
E o dia desencantou
     F           Dm          G  C
E a Deus ele jurou desprezo vão

         Cm             G    C
E o seu pai que lhe sorria
     Cm             G
Ele matou sem hesitar
           Cm              G   C
Abriu-lhe o peito as agonias
           Cm                G     C
E não notou o sangue a lhe sujar

           Am
E desde então todos diziam
            Em
Que um encanto aconteceu
      F           Dm         G   C
Com ele pelo ódio em seu olhar

         Cm          G   C
E ele não saia ao dia
         Cm            G    C
Pois disse a Deus o odiar
           Cm        G    C
Mas a noite ainda via
           Cm               G
O rosto dela no céu a brilhar

           Am
E tantas coisas inventaram
             Em
Ao vê-lo se mudar
          F            Dm            G     C
Para um castelo mais distante a chorar

          Cm                    G     C
Disseram até que era um fantasma
            Cm                         G    C
Que era um demônio que bebe sangue e mais
             Cm            G   C
Mas na verdade Conde Drácula
              Cm              G     C  Cm   G
Foi só um jovem que amou demais

TOP cifras de Beto Ferreira

  1. A Máquina do Tempo
  2. A Verdade Sobre Conde Drácula
  3. Ventilador

Pela Web